Arsenal Vence Aston Villa e é bicampeão da Copa da Inglaterra


Com autoridade, o Arsenal dominou e venceu neste sábado a grande decisão contra o Aston Villa, por 4 a 0, e se sagrou campeão da Copa da Inglaterra 2014/15.

Foi o 12º título dos Gunners na história da competição, o que isola o clube no topo da lista dos maiores vencedores, com um troféu a mais que o Manchester United.

Na partida realizada no mítico Wembley, o Arsenal foi melhor durante toda a primeira etapa e criou as principais oportunidades de gol. Ramsey foi quem esteve mais próximo de abrir o placar, em duas ocasiões. Na primeira, recebeu cruzamento rasteiro e desviou, fazendo a bola tocar a rede pelo lado da fora. A segunda foi mais clara, mas cara a cara com o arqueiro dentro da área, o meia chutou por cima.

Do outro lado, os Villains poucam conseguiam fazer. As únicas investidas eram em cruzamentos para a área, mas o goleiro Szczesny levava a melhor em todas no duelo pelo alto com Benteke.

Dominante, o time londrino ficou muito perto de abrir o placar aos 25 minutos, quando Walcott recebeu na pequena área e finalizou em direção ao gol. De forma heróica, o lateral Richardson salvou com a coxa, evitando que a bola entrasse. Já aos 40, não teve jeito. Após cruzamento de Cazorla, a zaga rebateu e Walcott chegou emendando de primeira para o fundo das redes.

Se o Aston Villa possuía esperança em reagir e buscar o empate na segunda etapa, ela durou pouco tempo. Logo aos cinco minutos, Alexis Sánchez arriscou de fora da área e foi feliz. A bola foi no meio do gol, mas com muita velocidade e um efeito que deixou o arqueiro sem saber o que fazer. O chileno correu para o abraço!

Pouco tempo depois, o gigante Mertesacker subiu sozinho após cobrança de escanteio e aumentou para 3 a 0. Naquele momento, todos já sabiam que o título estava nas mãos do clube de Londres. Restou apenas contar os minutos e aguardar até o apito final para fazer a festa. Mas ainda houve tempo para o francês Giroud deixar a sua marca no último minuto, decretando o triunfo em 4 a 0.

Fonte: OGol

Postar um comentário

0 Comentários