Header Ads

Mbappé marca na estreia e PSG vence Metz

Arte: Futebol Fanático
Jogando fora de casa, o PSG venceu, na tarde desta sexta-feira(08), o Metz por 5 a 1.

O resultado deixa a equipe da capital na primeira colocação, com 15 pontos. O Metz, por sua vez, segue sem vencer na competição e é o último colocado.

O jogo

Como de esperado, o PSG era quem tomava as iniciativas da partida. Logo aos dez minutos, Thiago Motta lançou Yuri, que cruzou para a área. Draxler dominou e chutou cruzado, para defesa parcial de Kawashima. No rebote, Cavani tentou, mas o árbitro marcou impedimento.

Novamente o PSG chegou. Draxler deu uma gingada de corpo, fazendo com que a bola sobrasse para Cavani. O uruguaio tentou colocar por cima de Kawashima, mas a bola acertou o poste do gol do Metz.

A primeira chance do Metz foi aos 25 minutos. Após cruzamento de escanteio, Riviére desviou de cabeça e a bola resvalou em Roux e saiu com perigo. Porém, o atacante francês estava em posição irregular. Pouco depois, Riviére recebeu de costas, girou sobre Marquinhos e bateu. A bola triscou a trave de Aréola, que estava na bola.

Cavani tratou de dar alegrias aos parisienses. Após belo passe de Neymar por dentro da zaga, o uruguaio limpou Kawashima e mandou para os fundos das redes. Mas a alegria durou pouco. Cinco minutos após o gol, Dossevi ganhou na dividida de Meunier e cruzou para Riviére cabecear para as redes.

No início da segunda etapa, Marquinhos recuou mal e Aréola cabeceou sem noção para o meio da área. A bola sobrou para Riviére, que perdeu o gol, com a meta vazia. O Metz ficaria com um jogador a menos em campo, após Ekotto fazer falta dura em Mbappé.

A partir dai, só deu PSG. Mbbappé tentou tocar para Neymar, mas a zaga cortou. Na sobra, ele mesmo completou para o gol. Foi seu primeiro gol com a camisa do PSG.

A equipe parisiense tentava e tentava, mas não conseguia aumentar a vantagem, até que Neymar apareceu. O brasileiro recebeu um belo passe de Rabiot, dominou e bateu no canto de Kawashima, que nada pode fazer. Pouco tempo depois, Cavani aproveitou a sobra do bate rebate dentro da área e ampliou.

Lucas Moura ainda faria seu gol. Após Neymar levantar na área, Meunier escorou e o brasileiro desviou todo sem jeito, mas para as redes.

Nenhum comentário