Header Ads

Pré-Jogo: Juventus x Barcelona

© GETTY / SHAUN BOTTERILL
Juventus e Barcelona já decidiram o título continental e na tarde desta terça-feira, se reencontram nas quartas de final do torneio, podendo ser um confronto de muitas emoções.

Na temporada 2014/15, o Barcelona bateu a Velha Senhora, na decisão, por 3 a 1. Suárez, Neymar e Rakitic marcaram para os Culés, enquanto Morata descontou para a Juve. Na equipe espanhola, pouco mudou. Apenas um jogador que era titular naquela final não está mais no clube: Daniel Alves, hoje justamente no rival.

Na Juventus, a renovação foi total. Evra foi para o Mairselle, Pirlo para os EUA, Pogba está no Manchester United, Vidal no Bayern de Munique, Morata retornou para o Real Madrid e Tevez voltou para o Boca Juniors antes de ir para a China.

"Não quero faltar com o respeito a ninguém, mas uma equipe que tem Messi, Suárez e Neymar tem uma força demolidora. Todo treinador gostaria tê-los", reconheceu.


"Enfrentaremos a melhor equipe que poderíamos enfrentar, mas é a Liga de Campeões, será bom medir forças com eles, ver onde melhorar", completou.


Arma da Juventus é a força em casa

O Barcelona tem o trio mais temido do mundo, mas a partida desta tarde é no Juventus Stadium e a Juventus costuma ser implacável em seus domínios. O fator caso é o diferencial da Juve.

Em 23 partidas que a equipe fez em casa na atual temporada, venceu 21 e empatou duas. A última derrota em Turim foi em agosto de 2015, na estreia do Italiano. Desde lá, a equipe tem total domínio das partidas em casa.

Você pode acompanhar a partida na nossa página: Clique Aqui

Nenhum comentário