Header Ads

Herói mais uma vez, Sérgio Ramos marca e Real retoma a liderança

© GETTY / GONZALO ARROYO MORENO
O Real Madrid enfrentou na tarde de hoje, o Real Bétis no Santiago Bernabeu. O jogo foi válido pela 27ª rodada do Campeonato Espanhol. Uma vitória merengue os colocaria na liderança da competição, já que mais cedo o Barcelona foi derrotado pelo Deportivo La Corunã fora de casa.

O jogo foi na primeira etapa bastante movimento, o atual vice-líder da competição começou pressionando bastante, até os primeiros 20 minutos, só deu Real. Isco tentava muitas jogadas e Cristiano Ronaldo tentava participar constantemente das jogadas. Mas quem saiu na frente foi o time visitante, em um lance infeliz do goleiro Keylor Navas, Sanabria chuta de longe e no canto, o costarriquenho aceitou. Naquele momento, o resultado era muito injusto pelo que ambas equipes haviam jogado. 

Os 'blancos' não se deram por vencidos, James Rodríguez passou a ter maior participação no meio-campo do time, servindo bem a turma da frente. Quem também fez a diferença foi o lateral-esquerdo Marcelo, autor da assistência para o gol de Cristiano Ronaldo aos 40 minutos, tentou muitas jogadas por aquele setor. Por pouco o Real Madrid não saiu da primeira etapa com a vitória parcial. 

A segunda etapa praticamente só teve Real Madrid jogando, pressionado para vencer em casa um adversário que ocupa a 14ª colocação na tabela, teve inúmeras oportunidade de marcar. Modric participou bastante das jogadas ofensivas, assim como Marcelo, um dos melhores na primeira etapa. Contudo, o técnico Zidane fez mexidas providenciais no time. Trocou James por Vásquez, buscando maior velocidade pelos lados do campo, aos 26 minutos, foi a vez de Morata dar lugar a Benzema. Hoje o atacante espanhol não fez grande partida.

Já os 27 ocorreu o lance mais polêmico da partida. Com passe excepcional de Luka Modric, Cristiano apareceu livre para marcar por cobertura, mas o impedimento foi assinalado no lance, erro clamoroso da arbitragem. 

Cristiano Ronaldo foi o melhor jogador da partida, mesmo após o gol anulado, continuou tentando definir a partida de todas as formas. Só não contava com a ótima atuação do goleiro Adán, o principal destaque do Bétis na partida. 

A expulsão de Piccini aumentou ainda mais a pressão do Real na partida. Aos 35 minutos veio a virada, como sempre, ele, Sérgio Ramos. O zagueirão espanhol subiu livre para cabecear e novamente salvar sua equipe. 

O resultado deixa o Real Madrid com 62 pontos, dois a mais que o Barcelona, tendo ainda um jogo a menos. Ou seja, uma vitória muito importante para quem sonha de vez com o título espanhol que não vem desde a temporada 2011/12. 

Por: Vinicius Viana Duczmal Colaborador do Futebol Fanático.

Nenhum comentário