Header Ads

Atlético Mineiro não vai enfrentar a Chapecoense

O Atlético Mineiro informou, nesta quinta-feira, que não vai enfrentar a Chapecoense pela última rodada do Brasileirão. Daniel Nepocumento, presidente do clube, justificou a decisão em respeito a Chape, deixando de lado a decisão da CBF(Confederação Brasileira de Futebol) de promover uma partida contra os juniores do clube catarinense.

O presidente disse que comunicou a CBF, que concordou, e ainda afirmou que não tem problemas se tiver uma punição de perda de três pontos, pois não afeta na colocação da equipe na competição.

"Vim aqui somente informar que o Atlético não irá até Chapecó jogar a última partida. A gente acredita no esporte e respeita a dor, não é o momento para cobrar de jogador nenhum, a essência do esporte. Já comunique a CBF, que concorda, conversei com o presidente da CBF, Marco Polo que concordou. Nesta partida o Atlético não irá", disse o dirigente em coletiva de imprensa.

"Provavelmente a maior punição é a perda de três pontos. Como isso não altera a posição do time, o time não pode ser prejudicado. É o mínimo que se pode ter pelos familiares, pela cidade, pelo estado e pelo país, que está sofrendo com a tragédia esta semana", completou. 

Nenhum comentário