Header Ads

Resumo 37° rodada do Brasileirão

Muitos jogos importantes aconteceram neste final de semana pelo Campeonato Brasileiro. O Palmeiras venceu a Chapecoense e sagrou-se campeão, com uma rodada de antecedência.

Botafogo 1x1 Ponte Preta - 26/11/16

O Botafogo recebeu a equipe da Ponte Preta, no estádio Luso Brasileiro.

O glorioso buscava o gol, que veio sem querer. Rodrigo Lindoso chutou. A bola desviou em Sassá, que saiu para o abraço.

A Ponte Preta buscava jogadas de velocidade. Rhaynner e Claysson eram os nomes para isso. O segundo, teve uma linda chance, quando ficou cara a cara com Sidão, mas mandou para fora.

Pior que isso, acabou sendo expulso, após reclamar de pênalti no lance. Isso, teoricamente, prejudicaria a equipe no decorrer da partida.

Mesmo tendo dez homens em campo, a Macaca buscava o gol de empate. Sidão achava que não iria se sujar, mas se enganou e teve que trabalhar.

Aos 20 minutos, o tão sonhado gol da Ponte saiu. Willian Pottker aproveitou a sobra na área e empatou a partida. Empate com um a menos.

Os paulistas eram melhores em campo, mesmo com a inferioridade numérica. Era esperado que o time cansasse e sofresse no fim, mas o Bota não deu muito trabalho e decepcionou, não passando de empate. 

América MG 2x2 Sport - 26/11/16

O já rebaixado América Mineiro recebeu o Sport na Arena Independência. A equipe pernambucana ainda luta contra o rebaixamento.

O Coelho chegou assutando o Leão. Logo no primeiro minuto de partida, Osman entrou livre na área, mas mandou no travessão.

O Rubro-Negro aproveitou-se do erro e não perdoou. Rodney Walace recebeu de Nenê e abriu o placar.

Na segunda etapa, os mineiros foram mais letais. Osman apareceu dessa vez para cruzar na medida para Danilo, que deixou tudo igual: 1 a 1. 

Daniel Paulista logo resolveu mudar no time, já que não poderia se dar ao luxo de empatar contra um já rebaixado. Everton Felipe e Vinícius Araújo entraram para dar mais força ao ataque. 

Vinícius até mandou uma bola para a rede, mas Diego Souza estava impedido no lance. A bola na rede que valeu saiu pouco depois, e foi do outro lado. Michael virou para os donos da casa. 

Se as coisas pareciam favoráveis ao América, Maktom complicou tudo pouco depois do gol e foi expulso. Mesmo com dez, o time de BH assustou, com Michael.


Mas era o Sport que crescia com o passar do tempo. O empate saiu aos 34, com Ronaldo Alves. Ainda restariam pouco mais de dez minutos para o Rubro-Negro com um a mais, mas não foi o suficiente para um resultado melhor. 

Corinthians 0x0 Atlético PR - 26/11/16

O Corinthians recebeu o Atlético Paranaense no Itaqueirão, em São Paulo. A partida foi muito fraca e acabou empatada em 0x0.

Os comandados por Oswaldo de Oliveira eram melhor em tudo: Posse de bola, acerto de passes, etc. mas faltava a pontaria. 

O Furacão foi até Itaquera, buscando um empate. Tentava sair nos contra golpes, o que não deu muito certo, pois, todas as chances foram, praticamente, alvinegras.

A melhor de todas foi quando Rodriguinho acertou o poste e Romero, no rebote, mandou por cima. Faltava uma melhor pontaria dos corintianos.

A cara do jogo seguiu a mesma na segunda metade. Cristian foi o primeiro a colocar Wéverton para trabalhar, após cruzamento de Fagner, e o goleiro foi bem. 

O Timão buscava pressionar mais e se adiantava cada vez mais. Paulo Autuori viu nisso possibilidade maior de contragolpes, e colocou em campo a velocidade de Nikão.

Os visitantes pouco assustavam nos contragolpes, enquanto os donos da casa tentavam aumentar a pressão, em busca do gol. A pressão não surtiu efeito. 


O Corinthians tinha criatividade, com Giovanni Augusto, Rodriguinho, Marquinhos Gabriel, Marlone e companhia. Mas não tinha finalização. Como o que vale é bola na rede, nada de três pontos. 

Atlético MG 1x2 São Paulo - 27/11/16

Atlético Mineiro e São Paulo se enfrentaram na tarde desse domingo(27) na Arena Independência. Um jogo fraco que acabou com a vitória Tricolor por 2 a 1.

O Galo foi quem saiu na frente. Carlos Eduardo recebeu na área e lançou para Hyuri. Renan Ribeiro saiu mal e o atacante desviou de cabeça para o fundo do gol: 1 a 0.

Dois minutos depois, Maicon cobrou falta no ângulo, para empatar o placar: 1 a 1.

Mesmo melhor em campo, a equipe paulista não conseguia marcar o segundo gol. Até que, aos 45 minutos, em contra-ataque rápido, Cueva tocou para Robson, que rolou para Gilberto decretar a virada no Independência.

Flamengo 2x0 Santos - 27/11/16

Flamengo e Santos entraram em campo na tarde deste domingo(27) no estádio do Maracanã. Na partida que valia a vice liderança do Brasileirão, o Mengão saiu vitorioso por 2 a 0.

O primeiro gol foi de Guerrero. Logo com quatro minutos, ele roubou a bola e acertou um lindo chute para abrir o placar.

O Santos chutava mais, mas Muralha não trabalhava. A falta de pontaria atrapalhou os planos do peixe.

Aos 39 da segunda etapa, Diego apareceu no segundo pau, completando cruzamento de Pará, para garantir a vitória.

Internacional 1x0 Cruzeiro - 27/11/16

Internacional e Cruzeiro entraram em campo na tarde deste domingo(27) no estádio Beira Rio, em Porto Alegre. Mesmo não fazendo uma boa partida, o colorado saiu vitorioso e segue vivo na luta contra o rebaixamento.

Após Manoel errar na saída de bola, Nico López chegou na frente do gol, mas finalizou para fora, sendo assim, a primeira chance gol.

Do outro lado, o Cruzeiro jogava recuado e não chegava muito no ataque. Levou perigo com Rafael Sóbis, mas sem sucesso.

O gol saiu após uma jogada individual de Valdívia. O meia acertou um lindo arremate do meio da rua, para a alegria dos colorados. 

Com a vitória, o Inter segue na zona de rebaixamento, mas com o mesmo número de pontos do Vitória: 42. O Cruzeiro é 13°, com 48 pts.

Palmeiras 1x0 Chapecoense - 27/11/16

O Palmeiras entrou em campo buscando a vitória contra a Chapecoense. Após vencer a partida, a equipe alviverde sagrou-se Campeão Brasileiro.

A partida começou em ritmo lento, com o gramado ruim atrapalhando a troca de passes. A Chapecoense tinha o controle da bola, sem levar perigo. O Palmeiras chegou com perigo, aos 8 minutos, quando Moisés chutou de longe e a bola desviou na defesa, enganando Danilo.

O gol do titulo veio aos 25 minutos. Em jogada ensaiada, Dudu rolou para Zé Roberto, que tocou para a entrada da área. Moisés tocou de letra para Fabiano, que surpreendeu a todos com um toque ligeiro, por cobertura, marcando um golaço.

Esse, foi o nono título brasileiro do Palmeiras.

Santa Cruz 5x1 Grêmio - 27/11/16

O Santa Cruz disputava o último jogo do ano no Arruda e fez bonito. Com boa atuação, goleou os reservas do Grêmio: 5x1.

Os gols saíram no segundo tempo. Logo com quatro minutos, Keno mandou na medida para Grafite completar o lance e mandar para a rede. 

A resposta gremista não demorou muito. Ainda antes dos dez minutos, Miller Bolaños tabelou com Pedro Rocha e bateu rasteiro para deixar tudo igual.

O Santinha não se abateu e foi atrás de voltar para a dianteira. Léo Moura aproveitou levantamento na área e desvio de Grafite para marcar: 2 a 1. 

Os pernambucanos tinham chance de marcar mais. Grafite e Derley quase comemoraram. Quem acabou por fazer o terceiro foi Roberto, de falta. 

A Cobra Coral passou por cima do rival nos minutos finais. Grafite e Arthur transformaram a vitória em grande goleada. Pena que não ajuda em nada na tabela... 

Figueirense 1x0 Fluminense - 27/11/16

Já rebaixado para a Série B, o Figueirense derrotou o Fluminense na noite deste domingo(27) no estádio Orlando Scarpelli e aumentou a sequência de insucessos do Tricolor.

O gol da partida foi de Marquinhos. Após falta cobrada da esquerda, o capitão cabeceou para decretar a vitória.

O Fluminense completou nove jogos sem vencer no Brasileiro. Quem sonhava com Libertadores vai terminando o ano com tal pesadelo... 

Coritiba 0x1 Vitória - 28/11/16

Marinho novamente foi destaque. O atacante marcou um golaço e o Vitória venceu o Coritiba no Couto Pereira por 1 a 0.

Com o triunfo, o time bahiano chegou aos 45 pontos, ultrapassando o Sport, com 44 e deixando a situação do Internacional mais desesperadora, pois tem 42 pontos. O clube gaúcho é o único que não depende apenas dos próprios esforços para se manter na elite. O Coritiba, já salvo, fica com 46 pontos.

Com 10 minutos, Marinho recebeu na ponta direita. Cortou para o centro e passou entre dois defensores. Driblou um terceiro e ainda passou pelo quarto antes de finalizar forte na saída de Wilson. Um golaço.

Nenhum comentário