Header Ads

Jorginho não é mais o técnico do Vasco

© DIVULGAÇÃO/ VASCO DA GAMA
Jorginho se despediu do Vasco nesta segunda-feira. Na coletiva de imprensa, o treinador avaliou positivamente sua passagem pelo clube carioca e disse sair com “missão cumprida”.

Eurico Miranda, presidente do Cruz-Maltino, garantiu que reconhece o bom trabalho de Jorginho no Vasco e lembrou da conquista do Carioca e da longa invencibilidade com o técnico. 
Jorginho seguiu o mesmo discurso, defendendo o seu trabalho em retrospectiva.

"Como treinador, preciso fazer uma retrospectiva desde o ano passado. Cheguei com o Vasco em último, situação difícil. Nosso projeto era trazer honra ao Vasco. Por pouco não permanecemos na primeira divisão. O trabalho foi muito bem feito", avaliou o técnico sobre o começo da relação, em 2015.

"Tivemos início de ano incrível, fomos campeões carioca invictos. Tivemos bom início de Série B e depois tivemos uma queda", continuou.

"Nosso maior objetivo era levar o Vasco à Primeira Divisão. Queríamos muito que fosse diferente e fica aqui minha desculpa. Mas não podemos deixar passar em branco tudo que foi feito", disse.

"Saio com a missão cumprida. Não da forma que gostaria, mas com o Vasco na primeira divisão", concluiu.

Jorginho comandou o Vasco em 85 jogos, tendo 43 vitórias, 24 empates e 18 derrotas. Ainda não foi definido o substituto e Eurico evita dar prazos para anunciar o novo comandante vascaíno.

Nenhum comentário