Header Ads

De Gea permanece no Manchester United

O Manchester United divulgou um longo comunicado em seu site oficial culpando o Real Madrid pelo insucesso da negociação de De Gea.

Segundo o clube inglês, somente nesta segunda-feira (31), último dia da janela na Espanha, os Blancos apresentaram uma proposta oficial pelo jogador. 


O negócio começou na hora do almoço e foi concluído no fim da noite, mas a documentação do atleta, que segundo os Diabos Vermelhos era responsabilidade dos espanhóis, não chegou em tempo de inscrição na Federação de Futebol Profissional da Espanha. 

O valor da negociação seria de 30 milhões de Euros, que seriam pagos pelos merengues aos Red Devils, com mais dez dependendo de objetivos contratuais, além de envolver no negócio o goleiro Keylor Navas. 

Porém, o Real culpou o Manchester pelo fracasso da negociação.  Segundo os Merengues, "o Manchester United não abriu nenhuma via de negociação pelos direitos federativos de David De Gea até a manhã de ontem (segunda)". 

O clube espanhol garante que os Red Devils só alcançaram acordo com o goleiro e seus representantes sete minutos antes da meia-noite. 

O jogo de empurra pode não definir quem foi o culpado pela negociação fracassada, mas o fato é que o Real termina a história sem o goleiro tão desejado. Já na Terra da Rainha, apesar da satisfação dos ingleses pela permanência do atleta, fica a pergunta: como Louis Van Gaal receberá de volta o atleta? 

Nenhum comentário